Fimec 12 de MARÇO DE 2024

Em maior edição dos últimos anos, Fimec abre ao público nesta terça-feira (12)

Tradicional evento do setor coureiro-calçadista projeta receber 20 mil visitantes em três dias


“Estamos na maior Fimec dos últimos 10 anos”. Com essa fala, Márcio Jung, diretor-presidente da Fenac, abriu as atividades da 47ª Fimec (Feira Internacional de Couros, Produtos Químicos, Componentes, Máquinas e Equipamentos para Calçados e Curtumes), nesta terça-feira (12). Com a expectativa de reunir 20 mil visitantes, a maior feira coureiro-calçadista da América Latina, e uma das três maiores do mundo, reúne soluções do setor até esta quinta-feira (14), na Fenac, em Novo Hamburgo/RS. Em uma área de exposição de 14 mil m², a maior metragem dos últimos 10 anos na história do evento, mais de 400 expositores apresentam novidades em couros e peles, produtos químicos, componentes, máquinas e tecnologia.

Além da metragem, em seu discurso, Jung destacou que essa Fimec é especial pela projeção de geração de negócios e a expectativa de visitação. Ele ainda comparou o propósito da Fimec ao trabalho de gestão e transformação que realizou nos últimos sete anos à frente da Fenac. “A Fimec propõe soluções de tecnologia, máquinas, processos e materiais para garantir a produtividade sustentável que a cadeia coureiro-calçadista precisa para prosperar. E essa mesma lógica foi aplicada à gestão da empresa Fenac, que tem passado por importantes processos de modernização, colocando Novo Hamburgo no mapa dos principais eventos do Brasil e da América Latina”, enfatizou. O diretor-presidente encerrou pedindo a todos para que zelem pela Fenac. “Vamos garantir que ela siga prosperando e contribuindo para o sucesso da nossa cidade, estado e país”, reforçou.

 

Ao encontro das palavras de Jung, a prefeita de Novo Hamburgo, Fátima Daudt, evidenciou o crescimento da Fenac ao longo dos últimos anos, mesmo diante de um período de pandemia. Fátima ainda lembrou que o mote da Fimec deste ano - “Inovação, tecnologia e impacto positivo no mundo” - resume muito bem o propósito da feira. “Inovação porque o evento apresenta soluções novas e criativas para os desafios do mercado coureiro-calçadista. Quando se fala em tecnologia são inúmeras aplicações, especialmente para reduzir custos e monitorar operações a fim de tornar as empresas mais eficientes. E impacto positivo é a soma de tudo que o setor gera a partir dos produtos produzidos, como: empregos, renda e desenvolvimento econômico e social. É o compromisso de deixar um legado significativo para as futuras gerações”, explicou.

Representando o Governo do Rio Grande do Sul, também participou da solenidade de abertura o Secretário Estadual de Desenvolvimento Econômico, Ernani Polo. Ele pontuou que o RS cada vez mais se posiciona como um estado inovador e que aposta em inovação. “Que juntos possamos construir caminhos para o setor ter condições de crescer e se desenvolver, criando novos mecanismos para gerar mais competitividade neste mercado”, projetou Polo. “A Fimec é uma feira importante que atrai visitantes de 40 países, que estão em busca de tecnologia e troca de experiências. Que, a partir disso, possamos potencializar esse setor que somos referência”, ressaltou.

A feira acontece todos os dias das 13 às 20 horas e a entrada é gratuita mediante credenciamento no acesso ao evento ou antecipado através do site www.fimec.com.br.

 

Expositores apostam na Fimec para contatos e negócios

Entre as marcas expositoras presentes nesta edição está a Lectra, que já participa da feira desde o início. Ao falar sobre a expectativa, Adriana Papavero, diretora geral da empresa, relatou que o primeiro dia surpreendeu, com a visita de bons clientes no estande. “Para nós, participar é também importante porque vemos todos os clientes em um só momento. Estar junto com eles, bater um papo, sentir um pouco de como vai ser o ano para o mercado”, detalhou. Neste ano, a empresa traz como novidade uma máquina de camadas baixas, que está dentro dos padrões de ESG. “É uma máquina pensada para essa demanda da sustentabilidade, muito mais leve, menor para caber em containers, para facilitar o transporte, com baixo nível de ruídos. Ela consegue diminuir resíduos, consumo de energia, tudo pensado no viés da sustentabilidade”, detalhou Adriana.

Já a Pollibox é expositora da Fimec desde a fundação da empresa, há 18 anos, e aponta a presença na feira como uma oportunidade para encontrar clientes focados em comprar e conhecer produtos. “Trata-se de um público qualificado mesmo”, definiu Antonio Bianchi, diretor da marca. A Pollibox apresenta adesivos para calçados, confecção e automobilismo. “Temos um ecoadesivo, um produto isento de solventes, que não emite gases tóxicos e é reciclável. Mudamos nossa mentalidade e a principal mudança está em processos que não são agressivos ao meio-ambiente”, complementou Bianchi.

 

Fórum CICB de Sustentabilidade e Fábrica Conceito são atrações da feira

Além de exibir lançamentos, a feira se destaca pelos espaços de experiência e conhecimento. A rastreabilidade do couro bovino brasileiro será o foco do Fórum CICB de Sustentabilidade, que ocorrerá amanhã (13) dentro da feira. O evento terá como tema central os “Elos para a Rastreabilidade”, com palestras reunindo representantes do Ministério da Agricultura e Pecuária, empresas privadas e entidades da cadeia da carne e do couro. A programação completa do fórum pode ser conferida no site www.cicb.org.br/forum2024, no qual também é possível se inscrever gratuitamente. O Fórum CICB de Sustentabilidade é realizado pelo projeto Brazilian Leather, uma iniciativa do Centro das Indústrias de Curtumes do Brasil (CICB) em parceria com a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (ApexBrasil). O evento terá tradução simultânea em inglês.

Já tradicional na Fimec, durantes os três dias de feira, a Fábrica Conceito apresenta a produção de calçados dentro dos pavilhões da Fenac. Realizada pelo Instituto Brasileiro de Tecnologia do Couro, Calçado e Artefatos - IBTeC, em parceria com a Fenac e Coelho Assessoria Empresarial, a 14ª edição do projeto traz uma inovação. Com quatro linhas de produção, será a primeira vez que serão produzidas bolsas, em parceria com Luz da Lua, que criou dois modelos especialmente para esta feira. A Fábrica Conceito ainda terá dois grandes nomes da indústria brasileira - Calçados Ramarim, produzindo um modelo de sandália e um tênis casual da marca Comfortflex; e Calçados Bompel, que produzirá quatro modelos de calçados classificados como Equipamentos de Proteção Individual (EPIs), além da Escola do Calçado Senai, com dois modelos de tênis femininos.

 

SERVIÇO

Evento: 47ª Fimec (Feira Internacional de Couros, Produtos Químicos, Componentes, Máquinas e Equipamentos para Calçados e Curtumes)

Data: 12 a 14 de março 2024

Horário: 13 às 20 horas

Local: Fenac | Av. Nações Unidas, 3825 – Bairro Ideal – Novo Hamburgo/RS, Brasil

Credenciamento: credenciamento gratuito para profissionais do setor através do site www.fimec.com.br.  Feira profissional - proibido o acesso de menores de 14 anos.

Realização: Fenac Experiências Conectam

Apresentação: Sicredi Pioneira

Patrocínio: Covestro, Transduarte, Ambiente Verde Indústria e Henkel

Apoio: Abicalçados, Abqtic, Abrameq, ACI-NH/CB/EV/DI, Aicsul, Assintecal, CICB, IBTeC e Sebrae/RS


COMPARTILHAR:
OUTRAS NOTÍCIAS
Loucura por Sapatos apresenta tendências e lançamentos para o inverno 2024
Primeiro dia do evento teve a participação de visitantes de todo o Rio Grande do Sul. Feira acontece até o dia 14 de abril na Fenac, em Novo Hamburgo
Fenac reúne promoções e atrações para toda a família a partir desta quinta-feira (4)
Loucura por Sapatos e Festival de Cervejas Artesanais acontecerão durante 11 dias em Novo Hamburgo
Loucura por Sapatos e Festival de Cervejas Artesanais iniciam na próxima quinta-feira (4) em Novo Hamburgo
Eventos reúnem promoções e atrações para a família toda na Fenac
Loucura por Sapatos é atração para a família toda de 4 a 14 de abril em Novo Hamburgo
Tradicional evento reúne promoções de calçados, bolsas, roupas e itens para a casa
Fimec chega ao fim e revela um Brasil protagonista do setor coureiro-calçadista no cenário mundial
Presença de visitantes e expositores internacionais marcou edição deste ano
Segundo dia de Fimec é marcado por geração de negócios e networking
Com um público altamente qualificado, feira do setor coureiro-calçadista reúne pessoas do mundo todo para aproveitar oportunidades, expandir contatos e conhecer produtos inovadores. Evento ocorre até amanhã, dia 14, na Fenac, em
NEWSLETTER

As experiências que
acontecem na Fenac, agora,
na sua caixa de e-mail.

Cadastre seu e-mail e conecte-se com a gente.